Buscar
  • Revista EiS

"...Como será o amanhã, responda quem puder..." Cláudio Araújo não é mais presidente da Mo


Cláudio Araújo durante a sua posse como presidente da escola em 2015.

O presidente da Mocidade Independente de Inhaúma, Cláudio Araújo, renunciou hoje ao seu posto, através de carta aberta em seu perfil das redes sociais. A escola do bairro de Inhaúma, durante o período em que foi administrada pelo presidente Cláudio Araújo, deixou de estar na mira do rebaixamento e passou a protagonizar entre as favoritas ao acesso, porém por algumas infelicidades durante os desfiles de 2016 e 2017, a escola acabou chegando em quinto e quarto lugar, respectivamente. Cláudio Araújo, além de presidente da escola foi uma espécie de patrono e conseguiu juntar um belo time nesse período em que comandou a agremiação, porém com a sua saída, paira uma dúvida no ar: Quem continua na escola e qual Mocidade de Inhaúma veremos em 2018, a de antes da chegada do presidente Cláudio ou a que terminou o carnaval de 2017?

A princípio quem assume a escola é o ex presidente e atual vice presidente da escola, Neil Paula. Alguns diretores pediram para que não tivessem o nome revelado até que tornasse oficial a decisão, mas dizem que não permanecerão na escola. Aguardaremos os próximos capítulos dessa história e estaremos trazendo para vocês. Segue abaixo a nota de afastamento do presidente Cláudio Araújo:

A toda a equipe, componentes, integrantes e amigos da GRES Mocidade Independente de Inhaúma

Escrevo esta carta num misto de alegria e tristeza, após esses três carnavais de muito trabalho e aprendizado. Não poderia estar mais feliz em poder olhar pra trás e ver quanta gente boa, de garra e vontade eu conheci. Os parceiros de trabalho que se tornaram amigos, e toparam fazer parte desse sonho. Que fizeram o que sabiam de melhor para levar para a avenida três grandes carnavais, que fizeram a comunidade e a Intendente esquecerem as más imagens dos desfiles passados, e relembrarem o quão forte é o pavilhão e a escola de Inhaúma. Seria impossível listar todos aqui, mas não posso deixar de falar de Karina Lins, minha primeira dama, esposa, amiga que com sua garra, vontade e determinação deu seu sangue na avenida junto com Flavio Lins, nosso carnavalesco revelação, de todos os diretores (baianas, harmonia, carnaval, bateria, passistas, barracão), comissão de frente, velha guarda, intérprete, equipe de músicos, rainha, musa e casais... Todos e cada um foram essenciais ao longo dessa jornada. A vocês meu muito obrigado, é de gente como vocês que um bom carnaval é feito. Quando entrei para este mundo louco, tinha apenas a intenção de dar forças ao sonho de um carnavalesco iniciante, mas ao entrar percebi que devia fazer mais que isso, que queria fazer mais. Então topamos a missão de levar uma escola que, num passado recente, estava com algumas dificuldades em apresentar seus carnavais, a uma posição de destaque. E posso dizer que, após esses três anos, com o suor de muita gente capaz, atingi esse objetivo. E apesar de toda essa felicidade em trabalhar duro para levar a Mocidade Independente de Inhaúma de volta ao seu lugar de destaque no carnaval, anuncio aqui meu desligamento do carnaval. Foram três anos de muitas dificuldades, lutas e felicidades, que não se apagarão jamais, mas no momento preciso voltar meus esforços a outras áreas da minha vida. Então fica aqui minha eterna gratidão a todos vocês, integrantes, amigos, apoiadores, família. A família Mocidade Independente de Inhaúma.

Cláudio Araújo


0 visualização