Buscar
  • Explosão In Samba

Que Dias Melhores Nos Confortem




A temida, porém esperada, explosão dos casos de Covid 19 fez as Escolas recuarem em suas apressadas reaberturas para ensaios, shows, etc.

Mais uma vez, ficam sem capacidade de arrecadação, de financiamento e, em consequência, de manter seus compromissos com empregados, prestadores de serviços e fornecedores.

O desastre que a pandemia trouxe para o mundo do carnaval se agrava e parece não ter fim.

Essa semana foi aprovada, com base na Lei Aldir Blanc, ajuda para realização de lives nas finais de samba no período original do carnaval em fevereiro de 2021.

O problema é que com o recrudescimento da pandemia, até essas ações ficam ameaçadas.

Basta ver o grande número de artistas infectados durante lives e shows, apesar de todos os cuidados tomados.

Enquanto isso, a Liesa anuncia a realização do sorteio da ordem dos desfiles a serem realizados em julho de 2021, se houver vacina, em cerimônia fechada apenas aos representantes das Escolas.

As incertezas continuam, assim como as nossas perdas.

Na última sexta-feira recebemos duas pancadas doídas demais.

Perdemos o "Chapinha" Ubirany do Fundo de Quintal e o querido Farid, ex-presidente da Beija-Flôr de Nilópolis.

Resta-nos a esperança por dias melhores.

5 visualizações0 comentário