© 2016 Revista Explosão in Samba | Criado por Faccilite

Faltou luz e sobrou energia na final do Salgueiro, que escolheu o samba da parceria de Xande de Pilares, para hino de 2018

12.10.2017

Na final da disputa de samba, teve a presença da Rainha de bateria,Viviane Araújo, lindas "paulistas" pela primeira vez em uma escola de samba do Rio de Janeiro e muita emoção de um menino campeão, que carregava seu troféu como melhor presente do dia das crianças. Acompanhe tudo que rolou na linda festa do Salgueiro.

 Imagem da quadra lotada antes do apagão e imagem do anúncio do samba campeão, no centro esportivo da escola, local que aconteceu a disputa, com auxílio de um trio elétrico. Foto: À esquerda EIS e à direita SRZD.

 

 

O Salgueiro pensou em cada detalhe para fazer uma grande festa, desde lindas camisas personalizadas para os profissionais da imprensa, passando por grandes shows e uma recepção nota 10 para todos que lotavam a quadra da escola.

As apresentações da ala de passistas da escola encantou à todos e em especial a três lindas "paulistas" que estiveram pela primeira vez em uma quadra de escola de samba do Rio de Janeiro:

 

"Somos três amigas e viemos passar o feriado no Rio de Janeiro, convenci à elas que aqui seria o melhor local para nos divertirmos hoje. Adoro carnaval e sou apaixonada pelo Salgueiro." Disse Aline Mello.

Tatiana Bueno adorou a sugestão da amiga Aline: "Com certeza essa será nossa melhor programação para o feriadão, estou amando tudo aqui." sintetizou Tatiana. Juliana Calveyra se empolgou tanto que já faz planos para o carnaval: "Estou adorando, é tudo muito lindo e voltaremos para o carnaval." Finalizou Juliana.

Questionadas se não sentiram nenhum tipo de preocupação ou medo de virem para o Rio de Janeiro, Aline Mello foi enfática:

"Não tenho medo de nada, muito menos de vim para o Rio de Janeiro."

As três amigas moram em São Paulo e confirmam o quanto nosso carnaval é capaz de vender uma boa imagem de nossa cidade maravilhosa, uma pena algumas autoridades não veem dessa forma.

 

A Rainha de bateria Viviane Araújo estava emocionada por voltar à quadra após dois meses afastada por compromissos profissionais e diz que vive seu melhor momento no carnaval.

 

 

"São dois meses que não aparecia na quadra, por motivos profissionais e para mim que sempre gostei de viver o dia à dia da escola, parece uma eternidade. Estou muito emocionada de estar aqui hoje e posso dizer que o Salgueiro me abraçou de tal forma, que nesses 11 anos que farei em 2018, desfilando pela escola, tem sido maravilhoso, somos como almas gêmeas." Disse Viviane, visivelmente emocionada.

 

Foto: Viviane Araújo e Ailton Graça

 

 

Pouco antes de começar as apresentações dos sambas concorrentes, um apagão deixou a quadra da escola completamente às escuras. Durante pouco mais de uma hora, se tentou resolver o problema, porém sem sucesso e a presidente tomou a decisão de levar as apresentações para o centro esportivo da escola, que fica ao lado da quadra. Um trio elétrico foi utilizado para apresentação dos sambas e pouco mais de 5 da manhã, a presidente Regina Celi anunciou a parceria de Xande de Pilares, Demá Chagas, Dudu Botelho, Renato Galante, Jassa, Leonardo Galo, Betinho de Pilares, Vanderley Sena, Ralfe Ribeiro, como os grandes vencedores da acirrada disputa.

Podemos dizer que foi uma noite para ficar guardada no coração de todos os Salgueirenses, que teve falta de luz sim, mas teve energia, muita energia por parte de todos os sambistas presentes na linda festa. No final, com o dia já claro, o pequeno Guilherme Galante, filho de Renato Galante, compositor campeão do samba, desfilava feliz da vida com o troféu de campeão. Ano passado Guilherme chorou após derrota na final e um ano depois, Guilherme era só alegria. Com certeza foi seu presente de dia das crianças.

                           Guilherme Galante com troféu que representa a vitória da parceria que seu pai, Renato Galante, faz parte.

 

Please reload